Português Italian English Spanish

Presidente Darlan Lobo defende projeto que extingue 74 cargos na Câmara de Juazeiro do Norte

Presidente Darlan Lobo defende projeto que extingue 74 cargos na Câmara de Juazeiro do Norte


Durante a Sessão Ordinária dessa quinta-feira (17), o presidente da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte, vereador Darlan Lobo (PTB), solicitou às comissões competentes o parecer verbal do Projeto de Lei (PL) que extingue 74 cargos na Câmara. O presidente ressaltou que recebeu uma notificação do Ministério Público, que cobrou informações sobre o trâmite da matéria.

“Já está com quatro meses que esse projeto não sai das comissões. Nesse projeto a gente quer diminuir 74 cargos dentro da Câmara. Essa diminuição não vai causar nenhum prejuízo porque esses cargos não estão nomeados, se não estão nomeados é porque não está precisando. A gente concorda com o Ministério Público e vamos dar todas as informações”, disse Darlan, que é autor do PL.

Após os pareceres verbais das comissões de Finanças e de Justiça, Legislação e Redação Final, o presidente Darlan Lobo colocou o projeto na Ordem do Dia. A matéria, no entanto, não chegou a ser apreciada .

Câmara discute reabertura do restaurante popular de Juazeiro

Ainda na sessão desta quinta, a Câmara Municipal de Juazeiro do Norte discutiu a reabertura do restaurante popular. Integrantes do movimento Juazeiro Sem Fome, o professor Tiago Pereira e advogada Derineide Barbosa usaram a Tribuna da Casa para exigir reabertura imediata do restaurante popular e a ampliação do funcionamento de equipamentos de segurança alimentar, como as cozinhas comunitárias.

“Eu gostaria que debatessem com mais severidade a política de segurança alimentar. Precisamos pensar alternativas simples e baratas, não basta nos contentarmos com economia. Economia é importante, mas muito mais importante é a condição de vida do povo. É uma vergonha sabermos que no dia de hoje muitos juazeirenses não vão ter o que comer”, disse Tiago.

Na ocasião, sete vereadores participaram das discussões. Capitão Vieira Neto (PTB) disse que em Juazeiro do Norte há uma gestão que “não busca ajudar os mais carentes e necessitados”. Ele questionou a existência de programas para amparar pessoas em situação de rua. “Nós vemos o número de pessoas na rua aumentando, os sinais cheios de pessoas pedindo e não tem políticas para ajudar essas pessoas”, pontou o parlamentar.

Já o vereador Janu (Republicanos) apresentou os requerimentos enviados por ele à Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (Sedest). “Tenho dois requerimentos para que eles colocassem uma equipe para ir até essas pessoas, mas você não vê essa atuação do Município”. Sobre o restaurante popular, Janu sugeriu que o prefeito de Juazeiro copie o exemplo de gestão do Município do Crato. “No Crato oferecem 600 refeições diárias”, destacou o vereador.